10 pontos positivos na integração do seu ERP com e-commerce

 em Cases de sucesso Inoutway, Termos técnicos integração

Integração com e-commerce: vivemos em uma sociedade cada vez mais tecnológica. Conforme vamos evoluindo, nossa imersão com a tecnologia é maior. Isso então faz nossos hábitos cotidianos adaptarem-se a novas tendências e aplicações. Utilizamos aplicativos para nos locomover, para pedir comida em restaurantes, pagamos nossas contas com o celular entre muitos hábitos adotados.

Portanto, o que mais se destaca nessa nova indústria, são as compras virtuais.

O e-commerce então é uma rotina muito presente na sociedade, não à toa é uma indústria que faturou R$62 bilhões no ano de 2019. O que então faz a procura por vendas de produtos online muito comum. A quantidade de e-commerce novos é crescente. O que fazem algumas situações administrativas aparecerem quando você realiza o gerenciamento de uma plataforma de vendas digital.

Muitas questões são levantadas ao gerir um negócio, como a emissão da NFe, levantamento de produto, controle de estoque, marketing entre muitos outros. Então, faz-se necessário um sistema de gerenciamento (ERP) para auxiliar no armazenamento, automatização e cálculo correto dos índices de negócios. Ao ter o ERP definido e o e-commerce no ar, que temos o problema central do artigo: a integração entre ambos.

O trabalho de realizar um cadastro de produto duplicado ou um pedido de venda uma vez em cada sistema, dando chance para que erros aconteçam, além de ter um trabalho redobrado para alimentar dois sistemas até então independentes.

Aí então que entra a integração. Onde o método utilizado pela Inout é através do Inout E-commerce, que tratamos como projeto a integração, realizando o passo a passo entre a conexão do E-commerce, ERP e até outras aplicações (caso necessário) dentro do mesmo projeto.

10 benefícios na integração ERP <> E-commerce:

  • Automatização de todos os processos. Trazendo agilidade.
  • Otimização de erros e falhas humanas.
  • mais assertividade no controle do estoque;
  • roteirização e acompanhamento dos pedidos;
  • emissão de notas fiscais;
  • melhoria nos relacionamentos com os clientes;
  • monitoramento e análise dos KPIs (Key Performance Indicators);
  • cadastro otimizado de produtos;
  • integração do CRM (Customer Relationship Management);
  • gerenciamento à distância (mobilidade).

Quer integrar seu e-commerce com outra aplicação? Entre em contato conosco. Clique aqui.

Postagens Recomendadas

Deixe um Comentário

O que é SaaSIntegração de loja virtual com aplicações torna-se essencial